Texto do Mês – Setembro


SETEMBRO

“A manhã chegou, nublada. Duas noites sem dormir tinham-me plantado auréolas profundas no meu rosto sulcado, tão roxas como vides no fim de Outono. Cheguei por fim ao leito de um rio, cuja irrigação era um bálsamo para a minha pele escamada. O barulho da água a embater nas rochas desconjuntava a organização das minhas ideias, como tal desisti de tal batalha e sentei-me, com a bacia a latejar, numa rocha roliça. Passei com os meus dedos calejados pela curva das pernas, onde podia sentir os efeitos de uma noite desgastante a caminhar. Parecia que agulhas se introduziam pela barriga das pernas, aguçadas e ferozes, provocando-me dores excruciantes.

Deixei-me cair para trás e, sem dar por isso, adormeci. Quando os raios de sol me fizeram abrir os olhos, trémulos, vacilantes, senti o corpo molhado. Uma mistura de maresia com suor. Tudo ali era húmido, e ao mesmo tempo quente. «Estou bonito.» Pensei de mim para comigo. Surpreendendo-me, ou talvez não, as pernas doíam mais do que antes, e depressa percebi que era por ter arrefecido. No entanto, permaneci obstinado na minha empresa, e peguei em mim e num cajado velho de madeira podre para prosseguir.

O coração batia, descompassado, à medida que contornava o velho monólito que era aquela colina dourada pelo sol. Os dias passavam, e o meu destino era incerto. Onde estou? Para onde vou? Como irei? Nem eu sabia. Tudo o que sabia, era que estava longe, mas desistir não era um verbo que pautasse no meu dicionário.” 

Nota de autor: Este pequeno texto não é um excerto de qualquer obra que tenha escrito, nem tampouco um fragmento solto de literatura sem sentido aparente. Foi escrito num momento de reflexão, que pensei como mote para um ensaio sobre as dificuldades que todo o homem atravessa ao longo da vida. Talvez um dia escreva esse ensaio. Este texto, no entanto, é apenas uma alegoria de um percurso de vida mais espinhoso.

Anúncios

feedback

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s