Exhalation


Contemplate the marvel that is existence, and rejoice that you are able to do so.

O texto seguinte pode conter spoilers do conto “Exhalation”

É a minha primeira incursão no mundo de Ted Chiang, e para quem se está a esforçar para ler em inglês não podia ter encontrado uma leitura mais difícil. A culpa foi da Cris Alves, que me sugeriu este autor. 😀 Ted Chiang é um autor complexo, com uma imaginação formidável.

Este conto está incluído no seu livro Stories of Your Life and Others, onde para além deste conto escreveu outros como Tower of Babylon (Vencedor do Prémio Nébula em 1990) e The Merchant and The Alquimist’s Gate (Prémios Nebula e Hugo Award) que também estou inclinado a ler. Ted é um autor de ascendência asiática nascido e criado em Nova Yorque, um autor riquíssimo em detalhes e em conhecimentos científicos que usa para sustentar as suas ficções.

Sem título

OPINIÃO:

A minha primeira impressão: “O que é isto?!” Sujeitos inteligentes que – vamos ver se eu percebi bem – trocam de pulmões como quem troca de camisola, em alegre convívio com amigos, com cérebros feitos de ouro e cujas memórias ficam gravadas em folhas de ouro quando morrem? Só posso dizer: muito bom. Definitivamente original. A escrita começa por ser um tanto ou quanto filosófica, mas é atrativa, simples, direta ao assunto. É um texto repleto de expressões facilmente compreensíveis e ainda assim dotadas de uma erudição científica que enriquece o texto e demonstra a versatilidade deste autor.

Foi engraçado imaginar que, em casos de acidentes em que o crânio de um destes sujeitos explode, as inscrições das memórias tornam-se impercetíveis, o que exige o trabalho de equipas forenses para decifrar os fragmentos perdidos que nem técnicos a avaliarem o texto sumido de um qualquer achado arqueológico. A verdadeira ação deste conto acontece exatamente quando o personagem central, um cientista, decide investigar-se a si mesmo. Poderia dizer que faltou ao conto ação, uma maior expressão do mundo em que isto se insere e que é um texto demasiado introspetivo… mas sejamos sinceros, se tivesse isso poderia não ser a história genial que é. O conto tem o que o autor quis fazer dele e não podia exigir melhor. Sem dúvida que vou voltar a ler Ted Chiang em breve.

Avaliação: 8/10

Anúncios

9 thoughts on “Exhalation

  1. Mais um fã de Ted Chian 😀
    lê o The Merchant and The Alquimist’s Gate , eu gostei muito, um pouco de futuro ligado às mil e uma noites 🙂
    Pena que nenhuma editora pegue neste livro e o publique por cá.

    boas leituras

    1. Não me considero fã porque só li um conto, e até me custou a entrar nele, mas é sem dúvida muito bom. Esse conto que falas deixa-me muito curioso, vai ser uma das próximas leituras.
      Beijinho!

  2. Ois Nuno,

    Não sei bem se está publicado por cá, mas penso que sim, tenho mesmo que ler, estou a ver que ando a passar ao lado de um grande escritor, cheio de imaginação sem duvida 🙂

    Abraço e boas leituras

  3. Pingback: Março, sê bonzinho! | Nuno Ferreira

  4. Pingback: Fevereiro de 2015 | Rascunhos

  5. Pingback: Resumo Trimestral de Leituras #1 | Nuno Ferreira

Comentário

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s