Ao Gosto do Freguês, Tony Chu: Detective Canibal #1


O texto seguinte pode conter spoilers do livro “Ao Gosto do Freguês”, primeiro volume da série Tony Chu: Detective Canibal (Formato BD)

Tony Chu: Detective Canibal (no original Chew), foi uma das várias graphic novels lançadas pela G Floy Studio em Portugal, no final de 2014. O argumento é de John Layman, um autor de bandas-desenhadas norte-americano, e a ilustração de Rob Guillory. Publicada originalmente pela Image Comics em 2009, Chew venceu o Eisner Award de “Melhor Nova Série” em 2010, ano em que Guillory levou o Harvey Award como “Melhor Novo Talento”. No ano seguinte, Layman foi indicado ao Eisner de “Melhor Escritor”, e em 2012 tornou-se o roteirista da revista Detective Comics, que desempenhou por 16 edições. Colaborou também de forma regular na série Batman: Eternal, que abandonou para se dedicar a tempo inteiro a este Detective Canibal.

sem-titulo
Tony Chu Vol. 1

Ora, Chew apresenta-nos um mundo não tão distante do nosso. É um policial à antiga, com perseguições, tiroteios, uma dupla de respeitosos agentes da lei (bem, talvez nem tanto), e uma cadeia ininterrupta de casos de fraude, tráfico e corrupção. Sim, esta história podia servir para um qualquer argumento de CSI ou Investigação Criminal, não estivéssemos nós numa realidade paralela, onde o consumo de frango é ilegal e o nosso herói, um agente asiático de ar sisudo, possui uma característica peculiar: ele é capaz de detetar todo o percurso de vida de uma fruta ao trincá-la, conhecendo todos os pesticidas que lhe foram aplicados. Ou seja, se ele morder um cadáver, saberá de imediato o que aconteceu à vítima e quem foi o seu agressor.

Como é óbvio, um sujeito com estas peculiaridades não iria ficar muito tempo como simples detetive, e rapidamente é promovido à FDA (Food and Drug Administration), um órgão de inspeção alimentar e farmacêutica, que o irá colocar no cerne de hilariantes aventuras. Outros personagens dignos de registo são Mason Savoy, o parceiro de Chu com quem partilha esse dom peculiar, e Amelia Mintz, a crítica alimentar com a capacidade de fazer o leitor sentir o sabor dos alimentos com base naquilo que escreve.

Sem Título
Capa G Floy
SINOPSE:

Tony Chu é cibopático, o que significa que consegue sentir impressões psíquicas daquilo que come. Mas também significa que é um detective absolutamente fantástico… desde que não se importe de mordiscar o corpo das vítimas de homicídio para perceber como e por quem elas foram assassinadas! Chew foi uma das maiores surpresas recentes no mundo da banda desenhada, uma série independente que atingiu uma popularidade sem precendentes, com a sua mistura de ambiente policial, paranóia e conspiração, paranormal e humor negro. Com argumento de John Layman e arte de Rob Guillory, Chew é um dos mais Premiados quadradinhos da actualidade. Venceu dois prémios Eisner – em 2010 como Melhor Nova Série, e em 2011 Como Melhor Série em Continuação – e dois Prémios Harvey – Pará Melhor Novo Talento e Melhor Nova Série, em 2010. Tinha sido já escolhido pela MTV como Melhor Nova Série de 2009.

OPINIÃO:

Mais uma excelente graphic novel que tive oportunidade de ler. Os seus ingredientes de sucesso são mesmo a eficaz combinação de ambiente policial, conspiração e paranormal, sempre bem regado de humor negro e imagens “deliciosamente” nojentas.

Neste mundo alternativo, a carne de frango está proibida, indicada pelo Governo como responsável por uma grande epidemia (a gripe aviária), e apenas é comercializada de forma ilegal e a elevados preços, no que se apresenta como uma organizada rede de crime que o nosso herói é obrigado a investigar.

sem-titulo
Tony Chu Cast (Image Comics)

A ação é rápida, os diálogos fluídos e bem-humorados, o traço vigoroso e dinâmico, as cores fortes e variadas. Tudo isto resulta num conjunto hilariante que deve ser levado como uma sátira aos mecanismos de investigação, saúde pública e combate ao tráfico a vigorar nos Estados Unidos da América. Pessoalmente, não me fascinou, mas é uma série a seguir.

Avaliação: 6/10

Tony Chu: Detective Canibal (G Floy Studio Portugal):

#1 Ao Gosto do Freguês

#2 Sabor Internacional

#3 Enfarda Brutos

#4 Sopa de Letras

#5 Fome de Vencer

#6 Bolos Janados

Anúncios

6 thoughts on “Ao Gosto do Freguês, Tony Chu: Detective Canibal #1

  1. Pingback: Sopa de Letras, Tony Chu: Detective Canibal #4 – Nuno Ferreira

  2. Pingback: Sabor Internacional, Tony Chu: Detective Canibal #2 – Nuno Ferreira

  3. Pingback: Enfarda Brutos, Tony Chu: Detective Canibal #3 – Nuno Ferreira

  4. Pingback: Resumo Trimestral de Leituras #6 – Nuno Ferreira

  5. Pingback: Fome de Vencer, Tony Chu: Detective Canibal #5 – Nuno Ferreira

  6. Pingback: Estive a ler: Bolos Janados, Tony Chu: Detective Canibal #6 – Notícias de Zallar

feedback

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s