300


É uma oferta tentadora. Eu seria louco de recusar. Mas essa história de me ajoelhar… Infelizmente, matar todos aqueles seus escravos me deixou com uma cãimbra na perna.

O texto seguinte pode conter spoilers do livro “300” (formato BD)

A graphic novel 300, celebrizada não só pelo nome do seu criador como pela adaptação cinematográfica, relata a Batalha das Termópilas, no ano de 480 a. C., que opôs 300 guerreiros espartanos ao exército persa do rei-deus Xerxes. A história virou lenda, face à desproporção numérica dos homens liderados por Leónidas de Esparta, que apesar da derrota deixou um legado que viria a mudar os destinos da Grécia Antiga.

O conceituado Frank Miller foi o responsável pela criação, argumento e arte da obra, publicada originalmente pela editora Dark Horse em cinco números. Lynn Varley pintou as prachas em fortes tons vermelhos e dourados.

Sem Título

SINOPSE:

The army of Persia – a force so vast it shakes the earth with its march – is poised to crush Greece, an island of reason and freedom in a sea of mysticism and tyranny

Standing between Greece and this tidal wave of destruction is a tiny detachment of but three hundred warriors.

But these warriors are more than men… they are SPARTANS.

300 is a story of war and defiance as only Frank Miller can tell. Featuring the watercolor talents of painter Lynn Varley, 300 marks the first collaboration for these two creators since 1990’s Elektra Lives Again. The five-part series is collected into a beautiful, 88-page hardcover volume, with each two-page spread from the comic presented as it was originally intended – as a single undivided page, greatly enhancing the graphic and narrative power of this immortal tale of heroic sacrifice. Make sure to check out the online preview of 300 here. And watch for news of this soon to be made major motion picture.

OPINIÃO:

Como amante da Antiguidade e curioso em relação ao conflito Pérsia contra Esparta, duas civilizações nas quais me inspirei para a criação das minhas Histórias Vermelhas de Zallar, fiquei agradado com a reprodução. 300 é uma obra icónica de Frank Miller, autor tão amado quanto odiado pelos apaixonados por arte gráfica, representada fielmente para o grande ecrã pelas mãos de Zack Snyder.

sem-titulo
Xerxes

O grande mérito desta graphic novel é mesmo a descrição dos dois povos, os seus costumes sanguinolentos e as suas manobras aveludadas, numa representação bem conseguida daquilo que se conta sobre a Batalha das Termópilas. A arte oferece-nos uma variância de tons garridos, mas não me convenceu inteiramente a nível de ilustrações; prefiro destacar as falas ásperas dos personagens e o pensamento pragmático daqueles homens, forjados nos fogos da Antiga Grécia. O compasso cadenciado das etiquetas narrativas deram consistência a uma obra que não me encantou, mas que saciou as expectativas criadas.

Avaliação: 7/10

 

Anúncios

5 thoughts on “300

  1. Pingback: Resumo Trimestral de Leituras #6 – Nuno Ferreira

Comentário

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s