XIV Gala do Fado


Realizou-se ontem, 15 de outubro, a XIV Gala do Fado do Clube União de Recreios. 14 anos a trazer o melhor da nossa cultura à Moita do Norte, quer ao nível de profissões representadas – o amola-tesouras foi a profissão em destaque, este ano, com uma roda de cutelaria gentilmente emprestada pela Casa Espanhola de Torres Novas – quer ao nível do Fado, esse património tão nosso. Uma vez mais, fui o apresentador do evento.

sem-titulo

O cartaz era de exceção, embora já estejamos habituados a trazer vozes de vulto à nossa terra. É de destacar que um dos nomes mais sonantes, Luís Caeiro, faltou com a palavra e avisou na véspera do evento que não viria, rumando ao estrangeiro para outro espetáculo, atitude que lamentamos profundamente. No seu lugar, o fadista João Paulo disponibilizou-se para o substituir, apesar de se encontrar algo doente.

Se alguns primam pela falta de profissionalismo, outros mostraram um querer imenso em dar o seu melhor ao público moitense. À guitarra portuguesa, Arménio de Melo, natural de Santa Maria Lamas, na Feira, e professor no Musicentro, em Lisboa, onde lecciona Guitarra Portuguesa e dirige cursos de Guitarra Portuguesa, Viola de Fado e Canto de Fado. Também de Lisboa veio Francisco do Carmo, na viola de fado. Gilberto Silva, na viola baixo, é natural de Santarém. O espetáculo começou com uma atuação dos músicos, a que se seguiu a primeira fadista da noite.

sem-tituloAndreia Matias é natural de Torres Vedras. Venceu o concurso Bravo Bravíssimo em 1998 e a Grande Noite do Fado em 1999. Lançou o seu primeiro álbum, chamado Recanto, em 2013, e em 2015 venceu o Grande Prémio de Santa Maria Maior. Emanuel Soares começou a cantar aos 27 anos, na Casa do Benfica de Torres Vedras. Natural de Peniche, abdicou da sua profissão como agente da PSP para se dedicar ao fado. Os dois atuaram a solo e em dueto, protagonizando alguns dos momentos da noite em ambas as partes da gala.

Paula Carapeta é já uma habituée do nosso espetáculo. Começou a cantar com 5/6 anos, e não mais parou. Natural de Sousel, no Alentejo, Paula participou nos concursos Uma Canção Para Ti (TVI), Grande Prémio do Fado (RTP) e Rising Star (TVI), onde chegou à final com o seu grupo Los Romeros. Abrilhantou o nosso espetáculo com uma voz melodiosa, a que se seguiu outro alentejano, João Paulo. Natural de Montemor, o fadista deixou em palco provas do seu talento e versatilidade. Também de Montemor veio Ana Catarina Grilo, que transportou belas sonoridades aos corações dos presentes. Venceu o Concurso de Fado Amador do Chapitô em 2012, faz parte do elenco rotativo da Adega Machado e é fadista residente do Restaurante Coração d’Alfama. Também cantou com Emanuel Soares e Andreia Matias, numa noite em que os cerca de 260 ouvintes saíram de coração cheio. Em março há mais.

Advertisements

2 thoughts on “XIV Gala do Fado

feedback

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s