Está aí: Os Monstros que nos Habitam


É verdade! Estamos a chegar ao fim-de-semana do lançamento da antologia. “Os Monstros que nos Habitam” é uma antologia da Editorial Divergência focada no paranormal. Abre com um conto meu – A Maldição de Odette Laurie – e tem ainda mais cinco contos de cinco grandes talentos nacionais. Sábado, às 17h30, na Biblioteca São Lázaro em Arroios, Lisboa, e domingo, às 16h00, no Centro Cultural de Vila Nova da Barquinha, podes comprar o teu exemplar e ficar a saber mais sobre este livro fantástico.

Confirma a tua presença nos eventos do facebook (aqui e aqui) ou compra online (aqui). Contamos contigo.

Os Monstros Que Nos Habitam

NO AR PAIRA ALGO MALIGNO…

Os mortos erguem-se das campas, os espíritos rondam a calçada, os demónios caçam almas para torturar e os cientistas tentam encontrar a fórmula para ressuscitar os mortos.

Os Monstros Que Nos Habitam é a mais recente antologia da Editorial Divergência, focada no paranormal. Nela estão incluídos seis contos de seis autores portugueses, e tem o lançamento previsto para o final de Abril de 2017.

Na Essência do Mal, de Alexandra Torres, após escapar das garras do marido, Clara encontra refúgio num casarão. Contudo, por detrás da aparência débil, Amadeu guarda um segredo do qual se quer ver livre. E Clara parece ser a pessoa idónea para o conseguir.

Em Vento Parado, de Ângelo Teodoro, César compra uma casa longe de tudo para escrever o seu novo romance. Mas um homem insiste que aquela casa lhe pertence e que César tem três dias para sair de lá. E o tempo já começou a contar: 3…

Páginas Assassinas, de Carina Rosa, descreve uma série de mortes que estão a acontecer numa faculdade enquanto Liliana e Sandra tentam descobrir quem é o autor dos homicídios.

A Maldição de Odette Laurie, de Nuno Ferreira, conta como Odette foi expulsa da sua aldeia após ter sido acusada de bruxaria. Anos mais tarde regressa para concluir a sua maldição.

No Canto da Sereia, de Soraia Matos, Amanda parte em busca de respostas em relação ao seu passado e aos seus pais, tentando fugir daqueles que a querem ver presa.

Em Génesis, de Patrícia Morais, Fiona descobre que o Doutor Darwin está a fazer experiência ilegais com humanos e só ela o poderá deter a tempo de evitar o caos.

sem-titulo

CRÍTICA:

Depois de ler, vai desejar não o ter feito. Um passaporte para noites de insónia. – Diogo Sal

Um livro mágico que agradará aos fãs do fantástico e que nos mostra que Portugal está repleto de vozes talentosas neste género literário. – Roberta Frontini, FLAMES

Qualquer antologia com talentos como esta vale a pena. E, por esta altura, já aprendemos que as da Editorial Divergência valem muito a pena. – Marco Lopes, O Senhor Luvas

Os Monstros Que Nos Habitam é uma antologia corajosa e promissora que combate o estigma que só lá fora se escreve boa ficção sobrenatural. Numa multiplicidade de narrativas que agradará não só aos amantes do paranormal aqui está a prova que ainda há muito bom talento em Portugal que merece ser explorado. – Mafalda Férias, Algodão Doce para o Cérebro

Anúncios

Comentário

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s