Estive a Ler: Espinho de Prata + As Trevas de Sethanon, Mago #3 e #4


Jimmy entrou para o salão a toda a brida, e foi a deslizar pelo macio pavimento de mármore quando tentou parar. Duas dúzias de escudeiros ataviados de verde e castanho formavam duas fileiras organizadas no salão.

O TEXTO SEGUINTE ABORDA OS LIVROS “ESPINHO DE PRATA” E “AS TREVAS DE SETHANON”, TERCEIRO E QUARTO VOLUMES DA SAGA MAGO

O autor de fantasia Raymond E. Feist nasceu no Sul da Califórnia e vive em San Diego. Estudou na Universidade de San Diego, onde se licenciou em Ciencias da Comunicação em 1977. Tendo sido traduzido em mais de 23 países, Mago é a sua primeira obra-prima e a base para toda a sua vasta obra, que atinge constantemente as listas de bestsellers do New York Times e Times of London. Feist é um dos nomes mais importantes de todos os tempos no que diz respeito à literatura fantástica.

A sua macrossaga passa-se no mundo de Midkemia e criou um jogo de RPG como base para toda a sua narrativa. Em Portugal, já foram publicadas as sagas Mago, Saga do Império e Os Filhos de Krondor pela Coleção Bang! da editora Saída de Emergência. Os livros Espinho de Prata e As Trevas de Sethanon são o terceiro e quarto volumes da série Mago, um com 432, o outro com 448 páginas e tradução de José Remelhe e Rui Azeredo.

Resultado de imagem para game of thrones gif
Fonte: https://giphy.com/gifs/game-of-thrones-1S9ci1Gu84b96

Depois de ter lido os dois primeiros volumes, e apesar da minha crítica veemente ao grande decalque do mundo tolkieniano feito por Feist, não podia deixar de ler os dois volumes remanescentes da saga Mago. E, como vinha a perceber pela evolução narrativa, a história melhorou um pouco. Não só a história. Tanto Espinho de Prata como As Trevas de Sethanon foram livros superiores aos primeiros volumes da série.

“Mas a mais-valia destes dois volumes, especialmente do último, são as descrições de batalha.

Uma das principais mais-valias desta segunda metade da saga é a inclusão de personagens interessantes como Jimmy Mãozinhas e as suas tiradas sarcásticas, bem como o maior foco em Aragorn Arutha. O povo que trabalha nos pântanos, onde encontramos Pug, também me é mais agradável, vendo-o como meio indígenas, mas também inspirados na cultura chinesa. Os vários sets escolhidos pelo autor para dar asas à sua imaginação pareceram-me bem mais aceitáveis.

Sem Título
Fonte: http://www.saidadeemergencia.com/produto/litfantastica-bang/fantasia-o-202346/mago-espinho-de-prata/?UDSID=%A7%A7%A7%A700190727175209004632293760%A7%A7%A7%A7

Mas a mais-valia destes dois volumes, especialmente do último, são as descrições de batalha. Raymond E. Feist pode não ser um escritor brilhante, mas descreve muito bem cenas de batalha na fantasia épica, sem deixar de lado as minúcias militares nem a confusão de gritos e indicações que são obrigatórias neste campo de escrita. O que é sempre um ponto a favor.

Gostei da forma como a saga se desenvolveu e como se concluiu, mas em nenhum momento sequer me passou pela ideia de incluir Feist nos melhores 10 autores de literatura fantástica, como por vezes vem incluído. É uma leitura agradável, mas sublinho que não chega aos calcanhares de nomes como Steven Erikson, Robin Hobb ou George R. R. Martin. Nem de longe.

Sem Título
Fonte: http://www.saidadeemergencia.com/produto/litfantastica-bang/fantasia-o-202346/mago-as-trevas-de-sethanon/?UDSID=%A7%A7%A7%A700190727175209004632293760%A7%A7%A7%A7

Quando Espinho de Prata começa, passou-se um ano desde a guerra contra os tsuranis. A paz reina em Midkemia, mas Arutha, agora Príncipe de Krondor, tem novos problemas em mãos. Durante o seu casamento com Anita, um jovem ladrão do Grémio de Mofadores salva o príncipe de um assassino de besta, um Noitibó destinado a matá-lo. Para salvar a sua noiva, Arutha tem de partir em busca de um antídoto para o veneno da flecha, o chamado Espinho de Prata.

No livro seguinte, As Trevas de Sethanon, o mundo está em estado de sítio. Pug, agora casado com Kilana, pai de família e também mestre de magia conhecido como Milamber, recebe um alerta terrível. Macros, que julgava morto, parece chamá-lo. O inimigo misterioso começa agora a pôr-se a descoberto e a mostrar os seus tentáculos, ao mesmo tempo que as suas legiões avançam para o Reino das Ilhas. De um lado, Arutha, Tomas e os seus companheiros lutam no mundo terreno, do outro, Pug e Macros lutam pela magia.

Sem Título
Fonte: https://twitter.com/midkemiawikibr

Pareceu-me uma conclusão competente para esta saga, com Espinho de Prata a aludir mais à sujidade do mundo, às perseguições de rua, vida de ladrões que gosto muito de ver em livros, e este As Trevas de Sethanon a apresentar uma grande e definitiva batalha em dois patamares distintos que convergem e que apresentam um fim que me pareceu digno.

Ainda este ano vou começar a Saga do Império que Feist escreveu em conjunto com Janny Wurts, e espero que seja mais complexa e verosímil que esta primeira série. Como disse anteriormente, esta Saga do Mago é bastante básica e pouco inovadora para os dias de hoje, mas funciona como excelente porta de entrada para quem conhece pouco de literatura fantástica.

Avaliação: 5/10

Saga Mago (Saída de Emergência):

#1 Aprendiz

#2 Mestre

#3 Espinho de Prata

#4 As Trevas de Sethanon

Saga do Império (Saída de Emergência):

#1 A Filha do Império

#2 A Serva do Império Vol. 1

#3 A Serva do Império Vol. 2

#4 A Senhora do Império

6 comentários em “Estive a Ler: Espinho de Prata + As Trevas de Sethanon, Mago #3 e #4

  1. Viva,

    Eu gostei bastante não tem o nível dos autores que referiste, correto ainda assim é uma leitura agradável.

    Espero que gostes mais dos seguintes 😀

    Abraço

    Fiacha

    1. Boas.
      Sim, não digo que não é agradável. Não deve muito é à originalidade e neste momento sinto que preciso de leituras que se diferenciem.
      Grande abraço

Comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto:
search previous next tag category expand menu location phone mail time cart zoom edit close