Estive a Ler: Némesis


Peggy?

O TEXTO SEGUINTE ABORDA O LIVRO NÉMESIS (FORMATO BD)

Mark Millar escreveu alguns dos maiores sucessos da Marvel na ultima década e meia, incluindo Os Supremos (The Ultimates), Ultimate X-Men, Wolverine: Velho Logan e Guerra Civil, a série de super-heróis que mais vendeu desde o início do século. A sua linha de livros MILLARWORLD pode orgulhar-se de incluir títulos como Wanted, que foi adaptado ao grande ecrã num blockbuster com Angelina Jolie, as séries Serviço Secreto: Kingsman e Kick-Ass, também elas adaptada com grande sucesso ao cinema e títulos como Imperatriz, Superior, Super Crooks, Jupiter’s Legacy, Starlight ou KM/H, bem como este Némesis.

O canadiano Steven “Steve” McNiven é um artista renomeado, tendo ganho destaque na editora CrossGen, com Meridian, antes de passar a desenhar revistas como Ultimate Secret, New Avengers ou Guerra Civil, na Marvel Comics. Desde Guerra Civil que colabora frequentemente com Millar, como são exemplo sucessos como Velho Logan ou, fora da Marvel, a colaboração em Némesis, que a G Floy Portugal publicou este ano no nosso país, num álbum em capa dura com 112 páginas.

Sem Título
Fonte: https://deathbattlefanon.fandom.com/wiki/Nemesis_(Icon_Comics)

Mark Millar é um nome incontornável da nona arte e o seu talento incontestável. Vários dos seus álbuns, como Imperatriz, Starlight, O Círculo de Júpiter ou Kick-Ass me deixaram rendido ao seu trabalho (para além do trabalho na Marvel), outros como KM/H, O Legado de Júpiter e Huck não me encheram tanto as medidas. Némesis vem nesta onda dos álbuns de Millar que não me conquistaram assim tanto, apesar de as suas ideias terem sempre uma grande dose de inovação.

“Infelizmente, acaba por não acrescentar nada ao oceano existente de histórias de super-heróis.

A arte de McNiven volta a mostrar como Millar escolhe bem os seus parceiros de arte. Se Rafael Albuquerque salvou Huck, Steve McNiven salva Némesis, apesar de não ser tão brilhante quanto o artista brasileiro. Mark Millar e Steve McNiven conduzem uma ideia com algum interesse sem o brilho que se esperava. Não obstante, a linha gráfica está dentro do estilo que McNiven já havia deixado marca na Marvel e que se coaduna muito bem na história de super-heróis.

Sem Título
Fonte: G Floy Studio

A obra apresenta-nos Némesis, comummente conhecido como “e se o Batman fosse vilão?”. O volume que encaderna quatro edições narra as desventuras de um super-heróis morcego que é, ao contrário do protagonista da DC, um grande vilão. É o homem mais inteligente do mundo e também um dos mais ricos, sendo a sua principal actividade, na falta de heróis que lhe façam frente, humilhar e assassinar os melhores polícias de cada país.

Herdeiro de uma família privilegiada e dos milhares de milhões que os seus falecidos pais lhe deixaram, dono de uma frota de carros espectaculares, de um hangar cheio de aviões e de gadgets tecnológicos sempre às suas ordens, Matthew Anderson decidiu vestir uma capa e máscara, e tornou-se num homem de branco numa luta implacável por uma causa em que acredita.

Sem Título
Fonte: https://screenrant.com/mark-millar-nemesis-movie/

As suas atividades incluem um raide intensivo no Japão, depois de ter invadido Singapura, China, Hong Kong e a Coreia do Norte, o que incluiu o envenenamento do reservatório de Ogochi, um ataque à Cúpula de Tóquio, o elaborado roubo da espada Kusanagi e o descarrilamento aéreo de um comboio. É então que ele decide procurar um novo inimigo nos E.U.A., alguém que está ligado ao seu passado: o Chefe Morrow.

Némesis é o relato das fantasias mais violentas de um vilão para acabar com todos os vilões, que alia um ritmo altíssimo a cenas de violência, humor negro e confusão em doses semelhantes. Uma espécie de Assalto ao Arranha-Céus com um super-herói vilão e uma mente distorcida. Infelizmente, acaba por não acrescentar nada ao oceano existente de histórias de super-heróis.

Avaliação: 5/10

2 comentários em “Estive a Ler: Némesis

Comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto:
search previous next tag category expand menu location phone mail time cart zoom edit close